Vendas de carros novos na Europa disparam 256%

As vendas de automóveis na Europa aumentaram, mas a procura ainda está aquém dos níveis pré-pandémicos. As preocupações da indústria passaram a ser com a produção, devido à escassez mundial de chips.

As vendas de automóveis no mercado europeu dispararam 256% em abril, comparando com o mesmo mês de 2020 que foi o pior desde que se começaram a recolher dados, em 1990, noticia a Bloomberg. A preocupação agora é a escassez de chips.

Há sinais, na Europa, de que os fabricantes de automóveis estão já a beneficiar da vacinação contra a Covid-19 que tem permitido que os trabalhadores começam a regressar aos escritórios, utilizando o carro. No Reino Unido, por exemplo, a utilização de automóveis está a regressar a níveis pré-pandémicos muito antes da recuperação nos transportes públicos.

Segundo a Associação dos Fabricantes de Automóveis Europeus, as vendas ficaram, ainda assim, cerca de 14% abaixo da média mensal da indústria na década anterior à pandemia.

No entanto a indústria está agora preocupada com a produção, devido à escassez mundial de chips. Tanto a Volkswagen como a Stellantis — os dois maiores fabricantes de automóveis da Europa — preveem que a escassez de chips seja maior neste trimestre do que nos primeiros três meses do ano.

Fonte: ECO - Economia Online

Partilhar nas Redes Sociais: